WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

 

 

agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: ‘_destaque2’

Ações pendentes na Justiça do Trabalho caem abaixo de 1 milhão pela primeira vez desde 2007

O número de processos trabalhistas à espera de julgamento em primeira instância recuou a menos de 1 milhão pela primeira vez nesta década. O volume está no patamar de 2007.

 Até junho deste ano, o volume residual despencou a 959 mil ações. Esse total é semelhante ao de 12 anos atrás, quando 2007 terminou com 946 mil reclamações sem julgamento.

A queda no total de processos residuais é reflexo da reforma trabalhista do governo Michel Temer. As alterações na CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) entraram vigor em novembro de 2017.

 As mudanças implantadas a partir da reforma trabalhista, nos últimos dois anos, causaram grande impacto no dia a dia das Varas do Trabalho, em especial porque houve queda no número de novos processos recebidos desde então. Com um menor volume de processos ingressando, os juízes conseguiram baixar o estoque.

 De acordo com dados do TST (Tribunal Superior do Trabalho), a primeira instância fechou 2017 com 1,8 milhão de processos sem solução. O número caiu para 1,2 milhão em 2018.

A queda, segundo especialistas, representa maior cuidado de advogados dos trabalhadores. Se derrotados, os empregados agora devem arcar com as custas da defesa dos empregadores.

CDL DE ILHÉUS REALIZA 1º ENCONTRO DE MULHERES EMPREENDEDORAS

 

O 1º Encontro de Mulheres Empreendedoras de Ilhéus aconteceu nesta quarta feira (07), no auditório do Sebrae – Premier Business Center, reunindo 50 mulheres empoderadas com visão comercial aguçada, com um objetivo em comum, fortalecer  a participação do gênero dentro no contexto comercial e lojistico da cidade.

A iniciativa partiu da CDL Ilhéus, presidida por Valderico Junior, que constatou a necessidade de estimular a presença das mulheres no comércio da cidade, para que elas ganhem espaço e assumam seus papeis de liderança como representantes de classes voltadas para o comércio, de forma que possam ser vozes ativas e agentes de transformação, dentro do universo empreendedor de Ilhéus.

Para Valderico Junior, a CDL  precisa contar com empreendedoras inclusive como membros de diretoria da instituição. ” Queremos potencializar a participação efetiva das nossas comerciantes não apenas como associadas mas, e principalmente, como agentes de transformação e desenvolvimento da própria CDL”, afirmou Valderico, avaliando como produtivo o encontro desta quarta feira e sinalizando novos passos para o fortalecimento desta iniciativa a exemplo de reuniões setorizadas com os seguimentos na sede da própria CDL Ilhéus.

ELA PODE

O encontro veio para fortalecer o Núcleo de Mulheres Empreendedoras, coordenado por Ana Paula Ganem, que trouxe para Ilhéus o programa ELA PODE, com o objetivo de ampliar a participação da mulher no mundo empreendedor. Ana Paula encontrou na CDL  o apoio necessário para desenvolver a ideia dentro de Ilhéus.  “Procurei a CDL  pois vi nela o interesse de trazer mulheres para dentro da entidade de forma participativa, e o Núcleo de Mulheres Empreendedoras, juntamente com o projeto ELA PODE,  visa este empoderamento feminino dentro do comercio da cidade”, concluiu Ana Paula, que é vice presidente da Associação Comercial de Itabuna e atua no engajamento de lideranças jovens e desenvolvendo o trabalho de empoderamento feminino no viés do empreendedorismo.

por Caliana Mesquita

 
 

 

E OS DEPUTADOS DA BAHIA???? CONFIRA OS GASTOS NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2019

DOS 513 DEPUTADOS QUE COMPÕEM A CÂMARA FEDERAL, A BAHIA É RESPONSÁVEL POR 39 CADEIRAS.

EM UM SISTEMA DEMOCRÁTICO NEM TODOS PENSAM IGUAIS, NEM TODOS ENTENDEM POLÍTICA DA MESMA FORMA. MAS NÓS, NA CONDIÇÃO DE PATRÕES, TEMOS O DIREITO E O DEVER DE SABER COMO ESTA SENDO GASTO NOSSO CAPITAL, DISFARÇADO DE IMPOSTOS, MAS QUE NA VERDADE É O QUE FINANCIA A VIDA BOA DE NOSSOS “MARAJÁS DE TERNO”.

SE O PORTAL DA TRANSPARÊNCIA AINDA NÃO É UM HABITO SEU, QUERIDO RADIOZAPEIRO, LHE CONVIDO A FAZER USO DA LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO ( Nº 12.527/2011), E NAVEGAR PELOS GABINETES VIRTUAIS DESTES POLÍTICOS DE MANDATO..

E NADA MAIS FASCINANTE DO QUE COMEÇAR ESSA “FUÇADA” PELA CÂMARA DE DEPUTADOS (https://www.camara.leg.br/) PARA QUE VOCÊ POSSA CHECAR OS NOSSOS DADOS E TIRAR SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES…

SEGUE TABELA CONTENDO VALOR GASTO, NOS ULTMOS 7 (SETE) MESES DE PARLAMENTO E O NUMERO DE PROPOSTAS APRESENTADAS E NUMERO D VEZES EM QUE SE DIRIGIU AO PLENÁRIO E FEZ USO DA PALAVRA.

 

 

GASTOS COM COTA PARLAMENTAR 1º SEMESTRE/2019
DEPUTADO FEDERAL GASTOS PROPOSTAS PARTICIPAÇÃO EM PLENÁRIO
FÉLIX MENDONÇA JÚNIOR R$ 247.999,87 24 0
PASTOR SARGENTO ISIDÓRIO R$ 105.432,55 33 43
OTTO ALENCAR FILHO R$ 115.481,33 26 8
BACELAR R$ 177.138,06 47 52
PROFESSORA DAYANE PIMENTEL R$ 151.996,42 25 9
JORGE SOLLA R$ 239.931,05 123 69
AFONSO FLORENCE R$ 203.173,90 39 45
ZÉ NETO R$ 114.550,03 60 72
ANTONIO BRITO R$ 214.317,73 23 7
ALICE PORTUGAL R$ 214.753,99 106 116
WALDENOR PEREIRA R$ 184.800,59 27 11
VALMIR ASSUNÇÃO R$ 203.786,99 79 77
RONALDO CARLETTO R$ 221.472,76 21 15
JOSIAS GOMES R$ 93.811,98
MARCELO NILO R$ 205.883,19 15 50
DANIEL ALMEIDA R$ 236.202,12 70 96
CACÁ LEÃO R$ 180.021,13 6 8
SÉRGIO BRITO R$ 93.791,50 0 0
LÍDICE DA MATA R$ 130.243,47 51 29
CLAUDIO CAJADO R$ 194.067,09 7 10
ELMAR NASCIMENTO R$ 218.756,56 17 5
ADOLFO VIANA R$ 92.134,66 12 6
MÁRIO NEGROMONTE JR. R$ 191.696,75 13 1
NELSON PELLEGRINO R$ 206.302,42 66 50
JOSÉ NUNES R$ 217.237,45 11 6
MÁRCIO MARINHO R$ 204.391,29 9 3
ARTHUR OLIVEIRA MAIA R$ 229.410,31 8 10
JOÃO CARLOS BACELAR R$ 200.881,25 24 3
JOÃO ROMA R$ 121.006,62 36 11
PAULO AZI R$ 165.907,56 20 18
JOSÉ ROCHA R$ 231.456,74 8 15
LEUR LOMANTO JÚNIOR R$ 151.070,80 10 15
ULDURICO JUNIOR R$ 244.942,16 3 3
ALEX SANTANA R$ 180.581,34 18 3
IGOR KANNÁRIO R$ 180.079,76 20 0
ABÍLIO SANTANA R$ 164.178,01 2 2
TITO R$ 158.297,67 12 19
RAIMUNDO COSTA R$ 131.690,86 18 1

EUNÁPOLIS: PREFEITO VIRA RÉU POR ACUSAÇÃO DE FAZER PAGAMENTOS QUANDO ESTAVA AFASTADO

O prefeito de Eunápolis, na Costa do Descobrimento, Robério Oliveira, se tornou réu em um processo que o acusa de despachar na prefeitura mesmo sendo afastado do cargo. A decisão contra Oliveira foi publicada nesta quinta-feira (24) e foi tomada pelo desembargador José Cícero Landin Neto do Tribunal de Justiça da Bahia. Segundo o Ministério Público do Estado (MP-BA), Robério Oliveira mesmo afastado do cargo estabeleceu pagamento de contratos e fez parcelamento de débitos com a Receita Federal.

O caso em questão se refere a um afastamento ocorrido no final de 2012, quando Oliveira também era chefe do executivo municipal. Segundo o MP, Robério cometeu crime de responsabilidade e fraude em dispensa de licitações. A vice-prefeita à época, Maria Menezes, que também ficou afastada, não responderá como ré nessa ação. não foi por decisão da Justiça continuou despachando como gestor.

Tenente que matou homem e feriu duas pessoas em Pirajá vai a júri popular

Acusado de matar um homem e ferir outras duas pessoas no bairro de Pirajá, em 2015, o tenente do Batalhão Especializado de Policiamento de Eventos (Bepe) da Polícia Militar Daniel Leite dos Santos, 41 anos, vai a júri popular nesta sexta-feira (26).

De acordo com o Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), Daniel foi denunciado por homicídio qualificado, por motivo torpe, “utilizando meio cruel e impossibilitando a defesa da vítima”. Segundo o MP, ele atirou por vingança.

O julgamento será realizado pelo promotor de Justiça Antônio Luciano Silva Assis, a partir das 8h, no Fórum Ruy Barbosa, no bairro de Nazaré, em Salvador.

 O tenente também responde por um outro crime de homicídio ocorrido em Juazeiro, no ano de 2011.

Entenda
O crime aconteceu no dia 12 de julho de 2015 e, segundo a promotoria, o denunciado efetuou disparos contra Antônio Carlos Alcântara, 42, Andreia Tatiana da Silva Calmon, 41, e Francisco Portela Ferreira Neto, 28. Antônio morreu na hora, enquanto Andreia foi baleada na perna e Francisco foi agredido com socos e coronhadas. Os sobreviventes foram socorridos para o posto de saúde de Pirajá e liberadas em seguida.

 À época, as investigações preliminares da Polícia Civil indicaram que o PM atirou em direção ao grupo após acreditar que a mulher com quem ele estava em uma festa havia sido paquerada.

Daniel chegou a ser preso em flagrante, mas, de acordo com o MP-BA, foi solto pouco depois e passou a responder o processo em liberdade.

Governo divulga calendário de saques do FGTS para 2020

O governo anunciou nesta quinta-feira, 25, o calendário para o saque da conta-aniversário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) em 2020 na Caixa Econômica Federal. A medida integra as novidades para o FGTS a anunciadas nesta semana pelo Ministério da Economia. O calendário foi divulgado pelo governo em edição especial do Diário Oficial da União e, neste primeiro momento, traz detalhes apenas para os aniversariantes do primeiro semestre.

FGTS Caixa
No ano passado, a distribuição de resultados do FGTS de 2017 elevou a rentabilidade das contas do fundo de 3,8% ao ano Foto: Dida Sampaio|Estadão

Regra fixa

 A partir de 2021, o saque da conta-aniversário deverá ser feito no primeiro dia do mês do aniversário até o último dia útil do segundo mês subsequente. Portanto, se a data de aniversário for 10 de março, o trabalhador terá de 1.º de março até o último dia útil de maio para efetuar o saque.

Ao aderir ao saque da conta-aniversário, o trabalhador abre mão de resgatar a totalidade do fundo caso seja demitido sem justa causa. Nesse caso, ele receberá a multa de 40% sobre a totalidade do que a empresa depositou ao longo do serviço. O dinheiro restante do fundo deverá ser retirado ao longo dos anos seguintes, em parcelas, até acabar.

Confira o calendário divulgado pelo governo:

1 – Para os nascidos em janeiro e fevereiro, os saques serão efetuados no período de abril a junho de 2020.

2 – para aqueles nascidos em março e abril, os saques serão efetuados no período de maio a julho de 2020.

3 – para quem nasceu em maio e junho, os saques serão efetuados no período de junho a agosto de 2020.

Quanto tirar

Na modalidade saque-aniversário, os cotistas com saldo menor poderão sacar anualmente porcentuais maiores:

Segundo especialistas, o saque-aniversário compensa para os trabalhadores que têm saldos pequenos no FGTS, já que os porcentuais liberados são maiores para as quantias menores. Por exemplo: quem tem saldo de até R$ 500 poderá sacar 50%.

Já o trabalhador que tem saldo superior a R$ 20 mil poderá sacar, a cada ano, apenas 5% do saldo, acrescido de R$ 2.900. Nesse caso, para quem tem cifras elevadas depositadas, acumuladas após muitos anos de trabalho, não é interessante aderir a essa modalidade por dois motivos. Primeiro porque os porcentuais liberados são menores e, segundo, porque em caso de demissão, esse trabalhador não poderá resgatar a totalidade do fundo.

Os interessados em migrar para a modalidade terão de comunicar a decisão à Caixa a partir de outubro. Ao confirmar a mudança, o trabalhador deixará de efetuar o saque em caso de rescisão de contrato de trabalho. A migração não é obrigatória. Se o trabalhador não comunicar à Caixa a intenção de aderir ao saque-aniversário, permanecerá na regra anterior.

Bolsonaro questiona ‘pressão em cima’ do filho e diz que ‘é legal’ fazer indicações políticas para embaixadas

O presidente Jair Bolsonaro declarou nesta quinta-feira (18) que a lei permite indicações políticas para o comando de embaixadas no exterior e questionou a “pressão em cima” do filho, deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que deve ser indicado como embaixador do Brasil em Washington, nos Estados Unidos.

Bolsonaro deu as declarações ao sair do Palácio da Alvorada. O presidente já declarou que está definida a escolha do filho para o comando da embaixada, contudo a indicação ainda não foi oficializada.

O presidente voltou a afirmar que o filho tem condições de ser embaixador e questionou a “pressão” contra a escolha.

“Por que essa pressão em cima de um filho meu? Ele é competente ou não é competente? Dentro do quadro de indicações políticas, que vários países fazem isso, e é legal fazer no Brasil também, tá certo”, disse.

O Brasil fará uma consulta formal ao governo norte-americano (pedido de agrément), o que é praxe, e a indicação terá de ser aprovada pelo Senado. Além disso, Eduardo precisará renunciar ao mandato de deputado federal.

A escolha de Eduardo, um dos cinco filhos de Bolsonaro, provoca polêmica desde a semana passada, quando o presidente tornou o assunto público. A embaixada em Washington está sem comando desde abril.

Segundo o presidente, a indicação do filho atende ao interesse público, já que facilitará o relacionamento com o presidente Donald Trump.

“Você tem que ver o seguinte: é legal? É. Tem algum impedimento? Não tem impedimento. Atende ao interesse público? Qual o grande papel do embaixador? Não é o bom relacionamento com o chefe de Estado daquele outro país? Atende isso? Atende. É simples o negócio”, argumentou.

Escolha política

Bolsonaro também citou, ao defender Eduardo, que outros presidentes fizeram escolhas políticas para embaixadas. Ele deu como exemplo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem critica com frequência. Em 2003, Lula escolheu como embaixador em Cuba o ex-deputado petista Tilden Santiago.

Deputado federal na legislatura 1999-2003, Santiago concorreu ao Senado, por Minas Gerais, em 2002, mas não se elegeu. Em seguida, foi indicado por Lula como embaixador em Cuba. Ficou no posto até 2006.

Saiba quem são os cinco deputados baianos que mais gastaram a cota parlamentar

Campeões de gastos
O deputado federal Ronaldo Carletto (PP) lidera, até agora, o ranking dos cinco integrantes da bancada da Bahia na Câmara que mais gastaram recursos públicos por meio da cota parlamentar – usada para despesas com passagens aéreas, combustível, alimentação, hospedagem, divulgação do mandato e manutenção de escritório político fora de Brasília. Ao todo, os custos de Carletto somaram  R$ 197,3 mil no primeiro semestre deste ano, segundo levantamento feito pela Satélite no portal de transparência da Câmara. O segundo e terceiros lugares são ocupados por Uldurico Júnior (Pros) e Raimundo Costa, o Raimundo da Pesca (PL), respectivamente, com gastos de R$ 189,9 mil e R$ 185,5 mil. Em seguida, vêm Daniel Almeida (PCdoB), com R$ 180,8 mil, e José Nunes (PSD), cujas despesas totalizam R$ 178,4 mil.

Por pouco
Com R$ 177,4 mil de despesas contabilizadas na atual legislatura, Arthur Maia (DEM) ficou bem perto de entrar no top 5 dos gastadores.

Contenção de despesas
Na outra ponta, a que inclui os políticos mais econômicos da bancada baiana em 2019, o primeiro lugar é ocupado pelo deputado federal Joseildo Ramos (PT), que utilizou R$ 68,7 mil da cota parlamentar, aproximadamente três vezes a menos que o campeão de gastos no ano. Abaixo dele, está Charles Fernandes (PSD), com R$ 78,4 mil, seguido por João Roma (PRB) e Zé Neto (PT), respectivamente, terceiro e quarto colocados, com R$ 83,9 mil e R$ 86,5 mil. Completa o ranking Dayane Pimentel (PSL), que usou R$ 89,4 mil de fevereiro até ontem, ainda de acordo com o site da Câmara.

Chuva de milhões
Três outros deputados da Bahia apresentaram despesas abaixo dos R$ 90 mil: Lídice da Mata (PSB), Pastor Sargento Isidório (Avante) e Leur Lomanto Júnior (DEM).  Ao todo, os 39 membros da bancada consumiram R$ 5,32 milhões da cota parlamentar. O valor não contempla os repasses referentes ao auxílio-moradia pago para quem não utiliza apartamento funcional disponibilizado pelo Congresso, salários dos próprios deputados e dos assessores que atuam seus gabinetes, bem como encargos sociais que incidem sobre a remuneração mensal.

Ciro diz que movimento de Tabata é ‘partido clandestino’ e que ela faz dupla militância

O ex-governador do Ceará Ciro Gomes disse neste sábado (13) que a deputada Tabata Amaral (PDT-SP), que votou contra a orientação da sigla na reforma da Previdência, fez “dupla militância”, e afirmou considerar grave a atuação do movimento do qual ela participa –e que ele chamou de “partido clandestino”.

“Todo mundo pode participar de qualquer movimento, mas, se você tem um partido clandestino para burlar a legislação que proíbe financiamento empresarial, isso é uma coisa muito mais grave”, afirmou Ciro em evento em São Paulo.

“Você pega um partido clandestino, que tem suas regras próprias, seu programa próprio, você se infiltra nos outros partidos e usa os outros partidos, fundo partidário, tempo de TV, coeficiente eleitoral para se eleger e fazer o serviço do outro partido? Aí é um problema de dupla militância, não tem nada a ver com a compreensão de reforma da Previdência que nós temos”, completou.

Tabata faz parte do Acredito, fundado em 2017 com a bandeira da renovação política, assim como Felipe Rigoni (PSB-ES), que também contrariou seu partido e votou a favor da reforma da Previdência.

Esse é tema prioritário do movimento, do qual Tabata é co-fundadora. Entre as principais bandeiras do Acredito estão ainda combater a desigualdade e a rejeição à polarização.

No próprio PDT houve outros sete que votaram contra a orientação da legenda. O partido abriu processo na comissão de ética para avaliação de punição aos dissidentes.

Candidato derrotado do PDT à Presidência da República em 2018, Ciro ressaltou ter estimulado a entrada de Tabata na política e afirmou ser quem mais está sofrendo com a situação.

“Eu não sirvo a dois senhores. Se tem alguém que está sofrendo com essa questão da Tabata, sou eu. Sabe quem recrutou a Tabata? Quem estimulou a Tabata a entrar na política? Quem assinou a filiação dela? Fui eu”, disse Ciro, para quem ela é “uma mulher extraordinária que tem o futuro pela frente”.

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmou ao jornal Folha de S.Paulo na quinta-feira (11) que está avaliando o caso para tomar uma “atitude cirúrgica” contra os dissidentes.

Ele vem defendendo que os deputados que votaram a favor da reforma deixem o partido. Na sexta (12), em evento em Belo Horizonte, Ciro disse que Tabata “deveria ter a dignidade de sair” da legenda.

Após a votação da Previdência, Alexandre Frota (PSL-SP), em sua conta no Twitter, afirmou que o PSL estaria “de braços abertos” para a deputada do PDT.

Em uma postagem no Instagram, o Movimento Brasil Livre também se posicionou: “o Brasil só tem a ganhar com uma esquerda e uma direita que enxergam além do prisma ideológico.”

Para o governador de São Paulo, João Doria, Tabata tem “rosto, alma e coração do novo PSDB”.

Samuel Emílio, 23, coordenador nacional do Acredito, disse nesta semana à reportagem que não se pode afirmar que Tabata e Rigoni erraram na escolha do partido.

“Tanto eles [Tabata e Rigoni] sabiam os partidos em que estavam entrando quanto os partidos sabiam quem estavam recebendo”, afirma, em relação à participação deles no movimento.

Ministros com mandato de deputado são exonerados para votar a Previdência

Os ministros Onyx Lorenzoni, da Casa Civil, e Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, foram exonerados nesta terça-feira (9). Eles voltarão à Câmara dos Deputados para votar a proposta de reforma da Previdência. As exonerações foram publicadas no Diário Oficial da União.

O porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, antecipou na segunda-feira (8) que os ministros de Estado que têm mandato na Câmara dos Deputados seriam exonerados temporariamente para que eles possam participar da votação em plenário.

Além de Lorenzoni e Marcelo Álvaro, o governo conta com mais dois ministros com mandato na Câmara: Tereza Cristina (Agricultura), que está em viagem ao Paraguai e será exonerada ao retornar ao Brasil, ainda nesta terça-feira, segundo a pasta; e Osmar Terra (Cidadania), que não voltará à Câmara porque o seu suplente, o deputado Darcísio Perondi (MDB-RS), é favorável à reforma.

Onyx e Tereza Cristina são filiados ao DEM; Antônio é filiado ao PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro; e Terra é do MDB.

“Os ministros que têm mandato já estão liberados para participar da votação. O presidente entende que a presença deles em plenário há de reforçar a presença do governo em plenário”, disse o porta-voz durante o briefing diário à imprensa no Palácio do Planalto.

As assessorias de Onyx Lorenzoni, Tereza Cristina e Marcelo Álvaro Antônio confirmaram que os ministros deixariam temporariamente o cargo para participar da votação.

O suplente de Onyx é o deputado Marcelo Brum (PSL-RS); a suplente de Tereza Cristina é a deputada Bia Cavassa (PSDB-MS) e o suplente de Álvaro Antônio é Enéias Reis (PSL-MG).

Durante a votação na comissão especial da reforma da Previdência, PSL, MDB e PSDB votaram favoravelmente à proposta.

Exoneração de Onyx Lorenzoni — Foto: Reprodução / Diário Oficial da UniãoExoneração de Onyx Lorenzoni — Foto: Reprodução / Diário Oficial da União

Exoneração de Onyx Lorenzoni — Foto: Reprodução / Diário Oficial da União

Exoneração de Marcelo Henrique Teixeira, conhecido por Marcelo Álvaro antônio — Foto: Reprodução / Diário Oficial da UniãoExoneração de Marcelo Henrique Teixeira, conhecido por Marcelo Álvaro antônio — Foto: Reprodução / Diário Oficial da União

Exoneração de Marcelo Henrique Teixeira, conhecido por Marcelo Álvaro antônio — Foto: Reprodução / Diário Oficial da União

Porta-voz diz que governo confia em aprovação

Na conversa com a imprensa, o porta-voz da Presidência ressaltou a confiança do governo na aprovação da proposta de reforma da Previdência.

“O presidente [da Câmara] Rodrigo Maia está confiante que os dois turnos de votação no plenário sejam concluídos ainda nessa semana”, disse o porta-voz.

Sobre eventuais mudanças que o governo desejaria no relatório que será votado, o porta-voz repetiu o que tem dito nos últimos dias. Segundo ele, apesar de o presidente ter suas “percepções pessoais” sobre pontos que poderiam ser aperfeiçoados, Bolsonaro entende que a responsabilidade é do Congresso Nacional.

Questionado especificamente sobre mudanças para flexibilizar a aposentadoria de integrantes de carreiras policiais, que Bolsonaro defendeu publicamente, Rêgo Barros afirmou que, apesar de o presidente entender as “peculiaridades” dessas carreiras, ele defende que cada deputado vote de acordo com a sua consciência.

“O presidente gostaria de ratificar a importância que ele atribui ao trabalho dos órgãos de segurança pública, em especial aos órgãos de segurança federais, ele entende as suas peculiaridades, até porque as vivencia também em família e pelo conhecimento de quase 28 anos de mandato, mas ele também entende que o Congresso tem neste momento o condão para decidir o que é melhor sob o ponto de vista da casa que legisla para que a nova Previdência seja o mais rápido possível aprovada”, afirmou.

“O presidente tem as suas percepções pessoais, mas entende que, neste momento, [mudar o relatório] é de responsabilidade da Câmara”, concluiu o porta-voz.

Fonte: G1

AOS INTELIGENTES SOCIAIS🤡🇧🇷

 

 

 

 

 

blog do marcelo


  • Função: Consultor de Vendas
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Chocosul Distribuidora Ltda
Candidatar

  • Função: Representante Comercial
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Maxxi Suprimentos
Candidatar

  • Função: Supervisor de Vendas
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: R$2318.86
  • Empresa: (Confidencial)
Candidatar

  • Função: Vendedor Externo
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: R$1264
  • Empresa: (Confidencial)
Candidatar

  • Função: Promotor de Vendas
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Arta Fenix
Candidatar

  • Função: Técnico de Enfermagem do Trabalho
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Prev-Metra
Candidatar

  • Função: Podólogo
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Sampés Podologia
Candidatar

  • Função: Analista de Logística
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Gertec
Candidatar

  • Função: Analista de Pessoal
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: R$2000
  • Empresa: Rp3 Combustiveis
Candidatar

  • Função: Recepcionista
  • Cidade: Ilhéus
  • Salário: A combinar
  • Empresa: Confidencial
Candidatar

Powered by SINE


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia